O que é Inteligência Emocional: Afinal, como desenvolver?

Todos os dias, encaramos situações boas e ruins, sendo que as negativas em geral, são as que mais impactam a gente. Seja por um problema no trânsito, por uma discussão ou por algo que deu errado e não deveria, estamos diante de várias coisas que colocam nossas emoções à prova diariamente.

Mas como lidar com nossos sentimentos? Como nossas emoções podem influenciar em nossa vida, ao ponto de não conseguirmos ter mais controle? Tudo isso é Inteligência Emocional, um comportamento e condição que pode ser o ponto crucial para nossas vitórias e fracassos. Vamos entender um pouco mais sobre isso agora.

O que é inteligência emocional?

A inteligência emocional é um conceito da psicologia que reúne as capacidades humanas de lidar com as suas emoções em diferentes situações da vida cotidiana.

O termo ganhou força por conta da sua aplicação no mercado de trabalho, onde a inteligência emocional é considerada uma “soft skill” ou seja, uma habilidade extra que pode te favorecer na carreira profissional.

Na prática, atingir um estado emocional equilibrado pode te ajudar a lidar com situações do seu dia a dia de uma forma menos estressante e mais assertiva, além de favorecer a absorção de conhecimento.

– Inteligência Emocional, a Arte da Resiliência

Ter Inteligência emocional é saber lidar com os próprios sentimentos e emoções, e quando as coisas vão bem é até fácil pensar assim, mas quando tudo vai mal é aí que entra a resiliência, a arte de se reinventar depois de momentos difíceis.

Seu relacionamento acabou, foi demitido ou passou por uma doença complexa, tudo isso nos desestabiliza e por vezes faz com que nossas emoções fiquem fragilizadas. A resiliência é justamente a recuperação, a forma como vamos superar essas dificuldades e vamos nos reerguer.

Temos que aprender diariamente que independente do momento que passamos, precisamos aprender a lidar com essas situações e não se desesperar, encarar tudo como algo que pode ser recuperado, retomado, consertado e renovado. Tudo pode ter uma segunda chance e por isso a dica é nunca desistir e se refazer depois de cada prova.

, O que é Inteligência Emocional: Afinal, como desenvolver?

Qual a importância de desenvolver inteligência emocional?

Ter esse componente é uma habilidade muito importante para a vida, mas no mercado de trabalho tão competitivo, a inteligência emocional tem sido cada vez mais fundamental.

Dominar esse aspecto pode tornar a pessoa mais confiante e motivada para conquistar seus objetivos profissionais, além disso, permite que o indivíduo avalie melhor suas atitudes e pensamentos, com uma autocrítica justa.

Principalmente para ir bem nas suas funções, a inteligência emocional te ajuda a encarar os desafios do dia a dia, evitando muitas situações desconfortáveis e estresse desnecessário.

Quais são os 5 pilares da inteligência emocional?

O conceito básico da inteligência emocional se sustenta em 5 pilares que compõem as habilidades que a pessoa precisa ter para estar plena mentalmente ao exercer suas atividades.

Esses 5 pilares são:

  • Auto conhecimento, ou seja, entender bem as suas próprias emoções
  • Ter bom controle dessas emoções, a partir do conhecimento pleno delas
  • Automotivação para te manter focado nos objetivos
  • Empatia para entender e se colocar no lugar do outro e manter o ambiente leve
  • Relacionar-se interpessoalmente sempre aliando esses pilares para construir laços sólidos

O primeiro pilar é um dos mais fundamentais, porque se conhecer bem é ter um melhor planejamento de carreira, sabendo quais possibilidades tem mais a ver com sua personalidade.

Isso te impede por exemplo de aceitar uma oportunidade de emprego apenas pelo salário, senão você ficaria muito tempo exercendo uma função de poder até pagar bem, mas te faz sentir miserável.

Outro ponto é que entender suas emoções ajuda a aprender a lidar melhor com elas e até controlá-las em situações adversas, tendo em mente sempre que o objetivo final é ser profissional.

Nas empresas, estar motivado é algo positivo para qualquer funcionário, e por isso esse é um dos pilares importantes na inteligência emocional e só é possível se automotivar se você estiver bem resolvido com suas emoções.

Por fim, os últimos dois pilares têm a ver diretamente com a sua relação com os demais, o que é um ótimo atributo para trabalhar em equipe.

A empatia te ajuda a se colocar no lugar de um outro colega, compreendendo o que ele está sentindo e podendo até fornecer um alento para ele.

Esse entendimento para com o outro, é o que permite que você crie relações interpessoais mais duradouras, com laços fortes e muita troca de experiência.

, O que é Inteligência Emocional: Afinal, como desenvolver?

Benefícios da inteligência emocional na carreira

Conhecer bem suas emoções é conhecer os seus “sims” e os seus “nãos”, e isso te permite fazer escolhas mais assertivas na sua carreira, porque não basta saber onde você quer chegar, é preciso também entender o que você está disposto a fazer para chegar lá.

A inteligência emocional bem desenvolvida, com os 5 pilares equilibrados, auxilia o profissional a não aceitar ou se envolver em algumas situações do dia a dia, mantendo sempre o ambiente de trabalho agradável.

Importante dizer que a inteligência emocional te permite lidar com situações adversas de forma mais serena e profissional, porém não quer dizer que você precise se manter numa função incomoda, pois ter a clareza do que te prejudica emocionalmente, permite que você argumente em busca de uma mudança de setor ou cargo, por exemplo.

Como desenvolver inteligência emocional?

Ainda na ideia dos 5 pilares, algumas ações práticas devem ser utilizadas para construir uma inteligência emocional forte, lembrando que é um processo e que nem sempre você vai ser plenamente dominante nas suas emoções.

Por isso, exercitar essas dicas abaixo, é uma maneira de manter suas emoções sob controle, principalmente no ambiente de trabalho.

– Aprenda a ouvir

Pessoas com grande inteligência emocional tem uma qualidade que pouco é encontrada: elas sabem ouvir. Enquanto a maioria de nós adora falar, o inteligente emocional consegue se calar e absorver o momento presente, o ambiente e procura na observação, ser alguém que está pronto para escutar.

Elas oferecem seus ombros para os amigos chorarem, sabem guardar segredos, ouvem as dores e também as alegrias e não deixam que as palavras as joguem em grandes armadilhas, mas sempre possui sabedoria nos lábios e por isso transmitem confiança a todos que se aproximam dela.

– Tenha Empatia Pelo Próximo

Empatia é sentir a dor do outro, é se colocar no lugar da outra pessoa. Quantas vezes podíamos entender um amigo, apenas nos colocando em seu lugar? Tentando imaginar a nossa vida naquela situação? Se assim fosse, evitaríamos tantos desentendimentos e discussões.

Inteligência Emocional é saber sentir a outra pessoa em sua totalidade e não existe a possibilidade de ter um emocional rico senão através da empatia. Exercite isso pelas pessoas e veja sua vida mudar pra melhor.

– Expresse Seus Limites

Temos nossos limites bem delimitados, porém nem sempre deixamos claro para as outras pessoas. Quando não fazemos isso, é fácil alguém nos tratar com desrespeito, agir com ofensas e avançar as barreiras que colocamos para determinadas situações.

Deixe claro para as pessoas que seu sim é sim e o não é não, pois os ´´mas, pode ser e tudo bem“ podem ser tolerâncias e oportunidades que nem sempre você quer dar. Expresse e deixe muito claro suas vontades, desejos e até onde as pessoas podem ir contigo, pois amizades e amores só conquistamos quando a autenticidade está apurada.

, O que é Inteligência Emocional: Afinal, como desenvolver?

– Aprenda Com as Emoções Negativas

A tristeza, solidão, infelicidade e angústia, são emoções que nos trazem grande sofrimento, mas podem ser justamente elas que tem algo de bom para nos ensinar. A tristeza de um relacionamento rompido pode ser dolorosa, mas algo que depois de superada, é um aprendizado que irá te preparar para outros relacionamentos.

Cada emoção negativa que temos, mostra e ensina como podemos ser melhores. Cada lágrima, cada dor e momento ruim tem um algo especial para moldar sua personalidade e forjar seu caráter, então entenda que uma pessoa que lida bem com suas emoções hoje, é que aprendeu com seus momentos difíceis do passado.

, O que é Inteligência Emocional: Afinal, como desenvolver?

Inteligência Emocional, Muito Mais Que QI

Ao contrário do Coeficiente de Inteligência, a nossa inteligência mental comum, a Inteligência Emocional é totalmente flexível, maleável e pode ser aprendida e enriquecida conforme o tempo. A inteligência mental também pode ser aprimorada, porém ela tem uma base física muito mais racional, enquanto nossas emoções seguem caminhos atrelados aos nossos sentimentos.

Por isso é muito mais difícil lidar com nossos monstros internos e a forma como eles aparecem do que com um cálculo exato que independente da ordem dos fatores o resultado sempre será um só. Quem domina bem suas próprias emoções está anos luz à frente de outras pessoas, e por isso consegue encarar as pressões da vida com muito mais perseverança e perspicácia.

Conclusão

Perfeito para quem quer se conhecer melhor e poder lidar com as próprias emoções, o Curso Inteligência Emocional é ótimo também para estudantes de psicologia e profissões que tendem a ter muita pressão envolvida. 

Acesse a Unova Cursos agora e matricule-se no curso Inteligência Emocional totalmente grátis e com certificação para sua qualificação profissional.

Deixe seu comentário e matricule-se hoje mesmo na Unova Cursos! Garanta mais qualidade ao seu currículo e vida profissional.

Sobre o Autor

Fernando Vale
Fernando Vale

Fernando Vale é um administrador formado e com MBA em Logística Empresarial. Hoje, ele é sócio e diretor da Unova Cursos, uma empresa especializada na área de Educação à Distância (EAD) e Cursos Online. Com mais de 10 anos de experiência no mercado educacional, Fernando tem se dedicado a levar conhecimento de qualidade para milhares de pessoas em todo o Brasil.

3 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.