Curso e-Social Empresas

Um curso e-Social Empresas pode ser importante para alcançar um patamar mais alto em sua carreira profissional, e por isso, investir neste curso é a melhor ideia para todos.

Dessa forma, se você deseja conhecer melhor sobre o sistema de saúde, leia o texto a seguir, para conhecer mais sobre a área e a importância. Mas antes, vamos saber o que é o e-social:

Curso e-Social empresas

O e-Social existe para simplificar a vida de profissionais que atuam na área de contabilidade. Graças ao SPED, hoje conseguimos sintetizar as informações dentro de um único sistema.

Dessa forma, o e-Social pode ser tido como uma versão do SPED para a área de trabalho, generalizando as informações que são encaminhadas através de declarações, tais como:

  • CAGED
  • RAIS
  • GFIP
  • DIRF

Porém, trata-se de uma substituição de forma gradual, tratando-se de um processo que ainda está em andamento, mas ainda não tem data para acabar.

Dessa forma, deve-se mencionar que é de grande importância que redobre a atenção: algumas declarações mudam de formato, de modo que todos os anos apareça novidades.

Há uma série de 15 obrigações do e-Social implementado pelo governo, sendo estes:

  • GFIP – Guia de Recolhimento do FGTS e de Informações à Previdência Social
  • CAGED – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados para controlar as admissões e demissões de empregados sob o regime da CLT
  • RAIS – Relação Anual de Informações Sociais.
  • LRE – Livro de Registro de Empregados
  • CAT – Comunicação de Acidente de Trabalho
  • CD – Comunicação de Dispensa
  • CTPS – Carteira de Trabalho e Previdência Social
  • PPP – Perfil Profissiográfico Previdenciário
  • DIRF – Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte
  • DCTF – Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais
  • QHT – Quadro de Horário de Trabalho
  • MANAD – Manual Normativo de Arquivos Digitais 
  • Folha de pagamento
  • GRF – Guia de Recolhimento do FGTS
  • GPS – Guia da Previdência Social 

Maiores vantagens do e-social para empresas

Antes de tudo, o e-social ajuda a simplificar projetos, e isso resulta em um aumento na produtividade, além de subsidiar a geração de guias de recolhimentos do FGTS e outros tributos.

Isso irá reduzir aqueles cálculos que ocorrem na geração de documentos.

Essa plataforma garante uma segurança jurídica maior, trazendo um benefício maior para todos os que estão no ambiente de negócios, contando com empresas legalizadas, é claro.

Várias obrigações podem ser substituídas por uma única operação, que deve ser padrão para que a empresa possa reduzir gasto de custos e tempos por conta da realização de atividades.

O e-Social traz ainda muitas vantagens, incluindo coisas como:

  • Registro imediato de informações mais recentes, como por exemplo, a contratação de um novo funcionário; 
  • Integração de processos; 
  • Disponibilização imediata dos dados aos órgãos envolvidos. 

Além disso, este também conta como uma forma renovada de prestar informações por parte das empresas, não podendo ser confundido com outras formas de regime tributário diferenciado.

Assim, o curso de curso e-social empresas pode ser a ajuda que você pode querer em sua empresa.

Isso porque se trata de um trabalho coletivo, que visa a reunião de representantes de órgãos do governo com as principais categorias do país.

O objetivo deste novo formato é simplesmente disponibilizar uma plataforma de simplificada de serviço, de modo que ela seja sem burocracias e adaptada para a realidade do nosso setor empresarial.

Em resumo, é algo que só tem a acrescentar para as empresas.

Curso e-Social empresas: uma vantagem indispensável

Agora que você já tem conhecimento do curso e-Social Empresas, deve estar muito incentivado em aplica-lo também. Não perca essa oportunidade, pois este curso é indispensável para as empresas, e com certeza lhe será uma ajuda realmente eficaz. Matricule-se