Estudar com sono? Nunca mais! Conheça técnicas para continuar acordado

Estudar pode não ser sempre uma atividade prazerosa e, para muita gente, é algo quase sempre relacionado ao tédio e ao sono. Você com certeza já viveu o desafio de estudar com sono ao menos uma vez na vida, não é mesmo? Naqueles dias que é precisamos estudar até tarde, é bastante comum que ficamos piscando, imaginando nossa cama. O grande problema é que nossa produtividade e atenção são totalmente comprometidas e o estudo dificilmente rende.

É fato que algumas pessoas gostam mais de estudar a noite e se consideram “pessoas noturnas”. Entretanto, temos que concordar que o sono está aí para todo mundo, certo?! Ninguém está blindado. É uma necessidade humana, apesar de algumas pessoas precisarem mais do que outras.

Pensando nisso, elencamos neste post 10 dicas simples, práticas e infalíveis para você nunca mais estudar com sono, seja você uma pessoa noturna ou diurna. Agora chega de enrolação, vamos lá!

1. Entenda a importância do sono

, Estudar com sono? Nunca mais! Conheça técnicas para continuar acordado

O primeiro passo para não estudar com sono é entender a importância de ter uma rotina de sono regulada. Elencamos essa etapa em primeiro lugar justamente porque ele é o mais importante. O sono é responsável pela maior parte da nossa qualidade de vida e um erro comum é tentar evitá-lo. Não faça isso!

Precisamos de – atenção! –, no mínimo, 7 a 8 horas de sono por noite. É com essa quantidade de horas de descanso que podemos ter disposição para enfrentar nossas atividades diárias da melhor forma possível. Todos precisam desse momento para conseguir ser minimamente produtivo.

Mesmo que sua rotina de estudos exija bastante empenho de sua parte, a quantidade diária de sono não pode ser alterada. Para que você consiga absorver todo conhecimento que você precisa, organize seu dia de forma que não mexa no tão sagrado horário da soneca.

Uma alternativa interessante é praticar o sono bifásico. Basicamente, o sono bifásico (bimodal ou bifurcado) é a prática de dividir o sono duas vezes, dentro de um período de 24 horas. Faça como achar melhor, apenas não deixe que essas horas necessárias sejam comprometidas.

Se te interessar, temos um post explicando como ter uma boa noite de sono e aumentar sua produtividade. Confira!

2. Evite bebidas energéticas

Calma, você não precisa deixar de tomar aquele gole de café que você tanto ama e que te ajuda a despertar! O cuidado aqui é com a quantidade. Como a nossa mãe sempre fala: tudo em excesso faz mal – e desculpe, mas precisamos concordar com ela aqui!

A ingestão de grande quantidade de bebidas energéticas não faz bem para ninguém, principalmente para quem tem a rotina apertada e tem horário certo para ir dormir e acordar. Portanto, não precisamos nem falar sobre a nossa recomendação para o tão conhecido energético, né?!

A popularidade do uso de bebidas energéticas é facilmente explicada pelo fato de que elas são responsáveis por dar aquele pique no nosso organismo, o que traz aquela sensação gostosa de que você pode fazer qualquer coisa. Entretanto, precisamos estar atentos à forma que essas substâncias agem em nosso corpo.

As bebidas energéticas agem diretamente em nosso cérebro, inibindo os efeitos da substância adenosina, a famosa substância do sono. Os refrigerantes, cafés e energéticos possuem cafeína e taurina, substâncias que precisam ser corretamente dosadas para que não prejudiquem nossa saúde.

Mas afinal, qual é a quantidade recomendada? Segundo especialistas, a dose recomendada é, no máximo, uma latinha de bebida energética por dia, seja ela qual for. Mas é bom dar aquela maneirada, e não consumir uma dessas todos os dias, você não concorda?

3. Pratique atividades físicas

, Estudar com sono? Nunca mais! Conheça técnicas para continuar acordado

A prática de atividades físicas é outro passo importante para que seu horário de estudo não seja atrapalhado pelo sono. Mais do que isso, os exercícios físicos são ótimas opções para qualidade de vida e bem-estar como um todo.

Fazendo de forma regular, as atividades físicas ajudam no bom funcionamento do organismo e, quando você deitar para dormir, a sensação de descanso será muito maior e muito mais prazerosa. Dessa forma, quando você tiver despertado do seu sono, maior será a sensação de relaxamento.

A grande vantagem de uma boa noite de sono é que, no dia seguinte, você estará pronto e descansado para estudar de forma produtiva!

4. Tenha uma alimentação adequada

Assim como a prática de exercícios físicos, uma alimentação adequada é algo para se levar pra vida toda. A reeducação alimentar é um assunto cada vez mais discutido, devido a todas as vantagens que uma boa alimentação carrega.

Como nossos aliados, temos aqueles alimentos que colaboram para a concentração. Que tal conhecê-los e inseri-los em sua dieta?

Para não estudar com sono, uma alimentação adequada também será fundamental. Principalmente para o período noturno, que é o momento que você precisa lembrar de comer alimentos leves, saudáveis e de fácil ingestão.

Quem nunca comeu demais e, logo em seguida, já quis tirar uma soneca? Na hora dos estudos, não é essa a sensação que estamos buscando, certo?

5. Faça pausas

Não esqueça de fazer pausas durante seu horário de estudo, pois o nosso cérebro é incapaz de permanecer em concentração constante por tanto tempo seguido. Dessa forma a recomendação é que, a cada 45 minutos de estudo, tire ao menos 10 e no máximo 20 minutos de pausa.

Isso não é pretexto para tirar um tempo para sonecas, ok?! Acredite, você só vai acordar mais cansado. Quando você já estiver piscando de sono, tire 20 minutos para ver um vídeo, jogar uma água no rosto ou comer um lanchinho – qualquer coisa que te faça ficar um pouco mais alerta.

6. Separe um lugar adequado

, Estudar com sono? Nunca mais! Conheça técnicas para continuar acordado

Um espaço aconchegante, bem iluminado e, principalmente, silencioso, é muito importante para que você consiga estudar adequadamente. Quando dizemos “aconchegante”, não queremos dizer na sua cama ou sofá, afinal, o nosso objetivo aqui é afastar o sono e não o contrário!

Dê preferência a posição sentada e em uma mesa adequada, longe do seu espaço de descanso. Até porque, se você estiver deitado em sua cama no momento dos estudos, seu cérebro poderá interpretar que já está na hora de dormir.

7. Atenção na postura

Assim como o passo anterior, preste atenção na sua postura na hora do estudo. Preste atenção se você já não está segurando a cabeça para não cair ou sentado já na beira da cadeira. Uma postura adequada diz muito sobre como será seu desempenho e o quanto você vai estar alerta.

Quanto mais a nossa postura for próxima da que usamos para dormir ou tirar um cochilo, mais sono vamos ter ao longo do processo.

8. Invista na água gelada

Seja para beber, lavar o rosto ou para tomar um banho, a água gelada vai te animar e não te deixar dormir enquanto tiver estudando. Um banho gelado é capaz de acordar qualquer um e, apesar de não ser a melhor sensação do mundo, vai ser a salvação para aqueles dias que você precisa estudar e não pode dormir.

Manter-se hidratado também é uma boa ideia para afastar o sono e manter seu cérebro disposto, mas também não precisa exagerar, não queremos que você pare a cada 5 minutos para ir ao banheiro.

9. Tire uns minutos para se movimentar

A movimentação durante o momento de estudo também é uma alternativa, especialmente se você estiver várias horas estudando. Até os pequenos movimentos vão te ajudar a não estudar com sono.

Seja dando pulinhos ou andando pela casa, não esqueça de incluir essa etapa quando você começar a se sentir sonolento.

10. Leitura em voz alta

Por último, a leitura em voz alta pode ser um refúgio para os dias que estão difíceis de estudar. Essa é uma prática de estudo que muitas pessoas gostam e até sentem que o conteúdo é melhor absorvido. Mais do que isso, a leitura em voz alta é uma concentração a mais que seu cérebro terá que ter e, como consequência, o sono será espantado.

Chegamos, então, ao fim da nossa lista de técnicas que vão te ajudar a espantar o sono e a preguiça na hora de estudar. Gostou das nossas dicas? Agora você já sabe como tirar o sono para estudar, não é mesmo? Mas e aí, você tem mais alguma técnica que você aplica e ficou fora do nosso post? Conta pra gente aqui nos comentários!

E agora que chegou até aqui, que tal continuar lendo as dicas que separamos em nosso blog? Nossa recomendação é que você confira também as nossas técnicas de estudo para um aprendizado mais rápido e eficaz. Acesse, temos certeza de que você vai gostar!

, Estudar com sono? Nunca mais! Conheça técnicas para continuar acordado

Formado em Administração, MBA em Logística Empresarial.  Sócio e Diretor da Unova Cursos, empresa especializada em Educação à Distância, Cursos Online. Com sede em Goiânia, fundada em 2010.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *