5 dicas de como usar o Kindle para estudar!

Já faz algum tempo que o livro físico encontrou um concorrente à altura graças aos leitores de e-books. E o Kindle, que foi desenvolvido pela Amazon, é o melhor deles.

O Kindle é ótimo para ler livros ocasionais, e muitos o utilizam somente para este fim, mas ele também é um instrumento fantástico para estudantes. Quando usado corretamente, pode funcionar como uma ferramenta portátil para os seus livros, para notas e para pesquisas rápidas. Além disso, um Kindle pode até te fazer economizar em livros a longo prazo.

Quer dicas de como transformar um Kindle em seu novo companheiro para os estudos? Continue a leitura do nosso conteúdo e já anota as dicas!

O que é o Kindle?

O Kindle, assim como dito acima, é o leitor de livros digitais da Amazon, lançado em 2007. Ele permite aos usuários comprar, baixar, pesquisar e, principalmente, ler livros digitais, jornais, revistas e outras mídias compatíveis.

O que mais impressiona no dispositivo é sua tela e-ink, que é uma tecnologia que simula uma espécie de papel impresso, recurso que alivia o cansaço visual e evita o reflexo da luz mesmo sob o sol.

5 dicas de como usar o Kindle para estudar

Agora que você sabe um pouco mais sobre o que é o Kindle, descubra também algumas funcionalidades interessantes que ele oferece para facilitar os estudos, não importa a sua área de interesse ou atuação.

1. Organize seus livros por tema

Organize seus livros por tema

As “Coleções” são um recurso presente no Kindle para organizar seus livros por tema. Uma vez que o Kindle não tem uma maneira de organizar suas estantes digitais, as Coleções permitem agrupar todos os seus livros por assunto, projeto ou algo de sua preferência.

Sendo assim, esta é uma ótima ferramenta para te auxiliar quando precisar buscar um conteúdo específico, especialmente se você tiver muitos e-books ou documentos e precisar encontrá-los rapidamente.

Para criar uma coleção, acesse o menu “Coleções”, toque no sinal “+” e adicione os livros que desejar. Você também pode reorganizá-los com o tempo ou adicionar mais livros quando precisar.

2. Use os destaques e anotações

Um dos melhores recursos do Kindle é a possibilidade de destacar e fazer anotações em qualquer livro. Ou ainda melhor, você pode ver o que outros usuários destacaram, ao ativar a função “destaques populares”.

Destacar blocos de texto permite que você crie uma espécie de lembrete de temas que julgou mais relevantes durante aquela leitura.

Para destacar, basta tocar em uma palavra e arrastar o cursor por todo o texto que deseja recordar.

Além disso, também é possível adicionar suas próprias notas em seu livro. Basta tocar e segurar o local onde deseja e selecionar a opção de nota. Por fim, digite suas considerações e ela será salva no livro.

Seus destaques e notas ficam sempre disponíveis no próprio Kindle.

3. Use o dicionário

Outro recurso de grande ajuda no Kindle são seus dicionários, que foram incluídos em todos os modelos a partir da 8ª geração. Quantas vezes estamos lendo algo e temos que parar para consultar uma palavra, não é mesmo?

Com o leitor da Amazon isso é facilitado, já que basta pressionar uma palavra, para selecioná-la, e ao segurar por alguns segundos a definição será apresentada.

Consultar significados com um clique é realmente incrível, e também muito útil para estudar outros idiomas.

4. Converta seus arquivos em PDF

Converta seus arquivos em PDF

O Kindle ainda não é considerado o melhor leitor de PDF, justamente por seu propósito ser o da leitura de e-books. De qualquer forma, muitos usuários o utilizam para este fim e têm bons resultados.

Uma dica da própria central de ajuda da Amazon para converter arquivos PDF para Mobi (o formato aceito pelo Kindle) é enviá-lo para o e-mail do dispositivo com o assunto “Convert”.

Caso não saiba o e-mail de seu dispositivo, acesse sua conta na Amazon, desça até o rodapé da página e clique na opção “Gerencie seus conteúdos e dispositivos”. Uma vez dentro dessa aba, procure o seu Kindle, clique nos três pontinhos que aparecem ao lado dele e copie o endereço de e-mail exibido.

Outra opção, caso esta acima não funcione, é utilizar algum conversor disponível online que transforme arquivos PDF em Mobi.

5. Tire suas dúvidas em qualquer lugar

Por fim, como vivemos em um mundo conectado, outra característica que faz do Kindle uma opção prática para estudo é o fato de ele ser sincronizado com os aplicativos Kindle que podem ser baixados no computador, tablet ou no celular.

E por que isso é útil?

Bem, lembra que o Kindle permite a criação de notas e destaques? Sendo assim, digamos que você precise fazer uma consulta rápida de algum conteúdo, tudo estará disponível em seus outros dispositivos.

Portanto, mesmo que não tenha hábito de ler no notebook, tablet ou celular, é recomendado que baixe o app e deixe-o como uma carta na manga para caso surja uma necessidade de consultar algo e não esteja com o Kindle.

Qual o melhor Kindle para estudar?

Em geral, todos os modelos de Kindle disponíveis atualmente são ótimas ferramentas para estudo. O que muda do mais básico para o mais “completo” é a resolução de tela (que não é tão perceptível para todos os usuários), ser ou não à prova d’água, a memória disponível para armazenar os livros/arquivos e o tamanho do aparelho, já que o Kindle Oasis, que é o aparelho premium na linha Kindle é bem maior que seus dois “irmãos”.

Caso nunca tenha tido contato com o aparelho e queira testá-lo para estudar, sugerimos que acesse o artigo do Uma Dica Por Dia que recomenda qual Kindle comprar. O site fez um review bastante completo em relação aos modelos, e indica o melhor de acordo com o uso que você pretende destiná-lo.

Conte-nos se tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto através dos comentários. Aproveite também para enviar este conteúdo a quem se interessaria por conhecer uma nova ferramenta para auxiliar nos estudos. Até breve!

0 Comentários

Deixe um comentário

Avalie!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *