Capacitação profissional: o que é? Saiba como se preparar!

Capacitação profissional: entenda sua definição e importância!

Pense na seguinte situação, você terminou uma faculdade ou já está inserido no mercado de trabalho e de repente acabou se deparando com o fato de que somente o que aprendeu em sala de aula e o que vem executando no cargo em que ocupa não é suficiente para abraçar as demandas que estão aparecendo ao longo do dia.

Talvez você já tenha passado ou esteja passando por isso neste exato momento de sua vida. Mas a verdade é que conforme vamos nos estabelecendo no mercado de trabalho, comumente percebemos que não dá para sobreviver em um cargo sem o aperfeiçoamento profissional.

Mas calma! Isso não quer dizer que tudo que você aprendeu está errado. Muito pelo contrário, o fato de precisarmos de capacitação profissional constantemente, acaba por nos lembrar que em alguns momentos algumas demandas necessitam de um conhecimento além do que portamos, ou seja, sempre há o que aprender! Muito bom, não?

Capacitar-se para um mercado cada vez mais exigente, no qual os requisitos a serem preenchidos para conseguir aquela vaga dos sonhos estão cada vez mais complexos, é um desafio e tanto. Dito isso, em nosso post de hoje vamos te ajudar a entender um pouco mais sobre o que é capacitação profissional e como ela importante para o seu sucesso no trabalho. Vamos lá?!

Afinal, o que é capacitação profissional?

Em linhas gerais, a capacitação profissional nada mais é do que o aperfeiçoamento de capacidades e competências que precisam ser mobilizadas dentro de determinada profissão. Aqui já percebemos que a capacitação profissional diz muito mais sobre o reaproveitamento e aperfeiçoamento do que já se sabe, que sobre a criação de novas habilidades.

Não que aperfeiçoar e recriar sejam excludentes, mas é importante que entendamos que o aperfeiçoamento requer a existência de capacidades que passaram a ser mais refinadas e complementadas, aprimorando ainda mais o repertório técnico dos colaboradores.

Pensando assim, a capacitação profissional está intimamente atrelada a práticas que visam trazer maior preparação e independência do profissional para atuar em sua área em face de um mercado cada vez mais competitivo e que demanda destaques pessoais bem específicos.

Podemos perceber então que se aperfeiçoar no cargo que se ocupa é essencial para o desenvolvimento profissional do colaborador, afinal, é normal estar em contato com novas dores e necessidades no dia a dia, assim, a capacitação é quase que um processo espontâneo.

5 motivos para se capacitar profissionalmente

Uma empresa se faz de seus colaboradores e estes, ao menos no que tange ao trabalho, fazem-se de seus conhecimentos. Nada pode ser tão essencial a um profissional do que a renovação e ampliação de suas capacidades no exercício de seu cargo. Vejamos alguns bons motivos para que você comece a se capacitar profissionalmente ainda hoje.

1. Aumento das possibilidades de contratação

É inegável que para o chefe de uma empresa, o profissional melhor preparado para assumir (e permanecer) em um cargo é aquele que dispõe de maior experiência que possa ser atestada não só por meio de um currículo, mas, sobretudo, por meio do exercício da função.

Quando nos capacitamos profissionalmente mostramos ao mercado de trabalho que estamos preparados para assumir cargos compatíveis com as nossas habilidades e demonstramos que somos engajados em nos mantermos sempre em constante evolução técnica, o que é muito positivo aos olhos do empregador.

Logo, apresentar um diploma de graduação, uma pós e até cursos virtuais podem contar pontos positivos na hora daquela entrevista e contratação, uma vez que dificilmente uma pessoa muito bem qualificada profissionalmente fica as margens do desemprego.

Só não vale esquecer que se capacitar é uma atividade constante, afinal, manter-se no cargo também diz muito do quando você se mostrará apto a exercê-lo.

2. Possibilidade de se manter sempre a par das tendências mercadológicas

A sua formação primária – seja um curso de graduação ou curso técnico – é essencial para formar uma base de conhecimento, mas certamente se mostrará lacunar ao longo de sua carreira profissional. O que queremos dizer é que a capacitação é sempre um processo de continuidade.

Pessoas estagnadas profissionalmente muitas vezes não são capazes de acompanhar as variações e surgimento de tendências do mercado, uma vez que estão ocupados demais fazendo as suas atividades diárias, muitas vezes, de forma automática. E é aí que o aperfeiçoamento profissional mostra a sua importância.

É através dele que temos a possibilidade de conhecimento das atualizações de nossas áreas, o que possibilita que nossas estratégias e condutas sejam redefinidas conforme as nossas demandas.

3. Maior senso crítico na formulação de processos e estratégias

A rotina do dia a dia tende a criar profissionais limitados e que muitas vezes nem se perguntam sobre o o porquê de executarem as tarefas que executam. Isso é muito prejudicial para a visualização macro dos processos em que se atua e, consequentemente, do desenvolvimento espontâneo de profissionais proativos e independentes.

Quando nos capacitamos, abrimos os nossos horizontes e desenvolvemos o nosso senso crítico, aguçando a nossa percepção sobre a importância (ou indiferença) das tarefas a serem executas e ampliamos a nossa capacidade estratégica de lidar com os processos que nos circunscrevem.

Isso tudo porque o reconhecimento e separação do que é banal do que é essencial só pode vir com o tempo, experiência e, sobretudo, com a aquisição de novas capacidades e competências.

4. Ampliação dos seus propósitos de vida

Considerando que mediante à realização de cursos e pós graduações temos o contato não só com conteúdos muito nobres e ricos, mas também com diversas áreas de conhecimento, podemos dizer sem sombra de dúvidas que a capacitação profissional pode ser uma ótima oportunidade de compreender se o que você faz hoje te traz realização pessoal e se não, já fica aí o leque de opções que podem te guiar na escolha de uma carreira profissional mais assertiva.

5. Abertura para o desenvolvimento de um plano de carreira

Não adianta, só é passível de crescer profissionalmente o funcionário que se qualifica. Nesse sentido, o aperfeiçoamento profissional é aquela porta aberta que te guia até ao sucesso. Afinal, considere que para adentrar em alguns cargos, qualificações cada vez mais específicas são requeridas e a única forma de alcançá-las é aprendendo diariamente.

E as propostas de emprego não nos deixam mentir. Cada vez mais requisitos são apresentados seja para competir a uma vaga ou subir na escada do plano de carreira de uma empresa. E nessa disputa bem sabemos que terá mais sucesso quem estiver em melhor alinhamento com os objetivos da entidade.

3 meios eficazes para aperfeiçoar as suas habilidades profissionais

Se chegou até aqui, você já deve ter entendido o quanto a capacitação profissional, mas não nos surpreenderia se você tivesse dúvidas de como fazê-lo. Então, segue as nossas dicas abaixo:

1. Cursos de graduação

Geralmente cursos de graduação são a base para a atuação profissional. Mas, dependendo do cargo, principalmente os de nível médio, a graduação pode ser sim uma forma de capacitação profissional.

São muitas as possibilidades de cursos que encontramos nos centros universitários e faculdades, e as áreas são muito amplas. Exatas, humanas, biológicas, tecnológicas e linguagens perfilam como algumas delas. O importante é que a graduação escolhida não esteja somente aliada aos seus propósitos profissionais, mas também como seus objetivos de vida para que assim se possa alcançar a satisfação pessoal.

2. Cursos de pós-graduação

Já tem uma graduação, mas vem notando que os conhecimentos que adquiriu precisam ser aperfeiçoados, considere a possibilidade de fazer uma pós. Mestrado, doutorado, pós-doc e pós graduações específicas são essenciais para o profissional que visa aumentar o seu repertório cognitivo.

Vale considerar que assim como a graduação, as pós são encontradas em uma diversidade de áreas e seguem a ementa específica das instituições de ensino que as disponibilizam, logo, o certo mesmo é conferir os editais dos respectivos departamentos que as ministram.

3. Cursos EAD

Um jeito fácil e prático de se capacitar profissionalmente sem sair de casa é a partir dos cursos à distância. Além de serem muito funcionais para a capacitação, são formas dinâmicas e rápidas de se instruir, considerando que o curso pode ser feito no conforto de seu lar e com o auxílio de poucos materiais.

Assim como os cursos de graduação, os cursos EAD são apresentados em várias áreas desde as mais conhecidas como administração, informática e múltiplas áreas de atuação do direito até cursos de gastronomia e os famosos cursos de idiomas. Aliás, esses últimos são excelentes para a complementação do currículo tanto profissional como acadêmico, só é preciso averiguar se os cursos apresentam as devidas certificações, válidas em território nacional.

Viu só como a capacitação profissional pode fazer toda a diferença em sua carreira? A propósito, falando em cursos EAD, em nosso blog você encontra várias dicas para começar a estudar online, seja para se capacitar para o cargo que já exerce ou para passar em um concurso e alcançar o emprego dos sonhos.

Não vai perder esses conteúdos valiosos, não é mesmo? Navegue pelas nossas categorias e confira agora mesmo! Semana que vem estamos de voltas com mais um conteúdo responsivo e informativo para você. Até mais!

0 Comentários

Deixe um comentário

Avalie!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *